1 de janeiro de 2013

Livro versus filme #1: Fernão Capelo Gaivota


Apesar de as cenas do filme se passarem num lugar só (ela só muda quando o Fernão encontra o outro bando onde ele aprende sobre amor e perdão), o livro não se torna parado por causa disso pois detalhar sobre as cenas não foi a preocupação principal do autor.

á no filme, foi bem massante porque, pelo personagem principal ser uma gaivota que queria voar, só aparece ele voando. E também tem umas coisas bem loucas, por exemplo, o passarinho vai para o deserto e para a neve sendo que ele é uma ave de praia. Ficou meio incoerente isso daí.
Eu acredito que, pelo o livro ser mais detalhado, ele pode passar mais coisa para o leitor, mas deixando como ensinamento principal a capacidade de amar e perdoar o próximo, e principalmente, a liberdade.

Apesar de ser um filme bem antigo, com uma qualidade não muito boa, o filme conseguiu cumprir o seu papel de reproduzir a obra fielmente e de levar o espectador à auto reflexão.

O livro não apresentou tantos detalhes, mas o suficiente para percebermos como era o ambienta em que determinada cena se passava. Mesmo que o livro não tenha apresentado muitos pormenores, o autor não pecou na falta deles.

Pelo fato de o filme ser muito antigo, a trilha sonora era bem ultrapassada, mas mesmo assim, não alterou muita coisa na qualidade do filme, pois em praticamente todos os momentos, houve uma fidelidade muito grande em comparação ao livro.



O filme conseguiu cumprir o seu papel de transmitir a história para o recurso audiovisual, mas eu ainda prefiro o livro. Não estou desprezando o filme, apesar de ele ter sido um pouco chato e cansativo, mas, na minha opinião, você consegue ter uma proximidade maior com o personagem por meio da leitura.

2 comentários:

  1. Oi Larissa! Sério que tem filme? Eu não sabia. Que bom que mesmo sendo um filme antigo, foi satisfatório.Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  2. Eu sempre acabo preferindo os livros, em todas as ocasiões haha! Mas, as vezes os filmes também são tão bons quanto. Vou procurar ver esse.

    Beijo!
    http://quaseatoa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir