8 de julho de 2012

Resenha de "A Última Música" de Nicholas Sparks


"Finalmente, havia entendido que a presença de Deus está em todo o lugar, em todos os momentos, e é sentida em um momento ou outro, por todas as pessoas. Estava nos momentos em que havia trabalhado com afinco na janela com Jonah; estava nas semanas em que havia passado junto com Ronnie. Estava ali e agora, en- quanto sua filha tocava aquela música, a última que iriam partilhar. Em retrospectiva, perguntou-se como tinha deixado de perceber al- go tão incrivelmente óbvio."

Mais uma vez Nick me surpreendeu. A Última Música é um livro que me provou que as pessoas podem sim mudar (mas não por alguém né!). Aliás, em que livro que o Nicholas não te prova algo novo?!

O livro conta a transformação de Verônica, uma garota super rebelde que vai passar o verão na casa de sue pai. Lá na cidade dele, Ronnie conhece Will, um garoto rico e que sabe quem colocou fogo na igreja da cidade. Na obra, descobrimos que essa igreja que foi incendiada tem muita importância para o pai de Ronnie.

Há muito tempo atrás, eu tinha visto o filme desse livro e me empolguei bastante para lê-lo. Essa história me pareceu um tanto diferente do tipo que o Nicholas escreve, pois desde o começo, se você presta bastante atenção, consegue ver qual será o conflito da história, diferentemente de suas outras obras. O jeito que Ronnie e Will se apaixonam é tão fofo e natural, pois a forma como ele consegue que ela seja sua namorada, me lembrou dos tempos antigos, que o cara conquistava a garota (mas sem a parte da serenata e das flores!). A importância da família foi também bastante abordada, nos ensinando a valorizá-la, por mais que ela seja legal ou não.

O pai de Ronnie é uma pessoa fictícia que eu vou sentir muita falta, falta daquele jeito calmo, manso e compreensivo que fez eu me sentir tão bem. Me identifiquei com o irmão da Ronnie, o Jonah. Ele era todo queridinho com ela e ela só dava patada nele (engraçado que aqui em casa acontece exatamente a mesma coisa). Mas o que me impressionou bastante no Jonah foi a generosidade dele, porque eu acho que essa é uma virtude meio que perdida. O filme, até a metade foi bem fiel ao filme, mas depois de um tempinho, a história meio que se modifica. Não gostei disso, mas do mesmo jeito, tanto o livro, quanto o filme são muito bons! Recomendo bastante.

14 comentários:

  1. Quero ler alguma coisa do Sparks, mas ainda não decidi o que xD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu recomendo "Um Homem de Sorte". Sei lá foi o que eu mais gostei.

      Excluir
  2. Nicholas é realmente um autor singular!
    Já li praticamente todos os seus livros, e o único com qual me decepcionei um pouco foi "Diário de uma Paixão". Achei o filme deste melhor que o livro, algo que julgo inaceitável.
    Beijos!!
    http://www.livroserabiscos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu ainda não li "Diário de Uma Paixão", mas eu AMO demais o filme. Já assisti muuuitas vezes, mas mesmo assim eu não me canso.
      Beijos!

      Excluir
  3. Olá Larissa!

    Ainda não li Nicholas... e provavelmente sou um E.T. por isso... kkk Pretendo ler logo algo dele, mas fico meio receosa porque a grande maioria das pessoas chora com os livros dele, e eu gosto de livros mais agitados, que você fique o tempo todo em uma adrenalina.. mas eu quero ler logo! rs

    Beijos,

    Marcelle
    http://bestherapy.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, eu gosto. Acho que é tudo uma questão de ponto de vista, porque eu nunca chorei em nenhum livro/filme dele. Leia mesmo!

      Beijos

      Excluir
  4. Quero muito ler esse livroooooo... parabéns pela resenha beijo www.amostradelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Não li esse livro , mas ainda pretendo ler com certeza,vi apenas o filme, e achei muito lindo,notei que não foca tanto assim no romance ,mas na relação familiar ^^
    gostei do seu blog,estou seguindo :)
    se pudesse retribuir a visita ficaria agradecida ! ;*

    strawberrydelivrosefilmes.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gostei do fato de ele ter mudado um pouco do script. É sempre bom tentar novas coisas né!

      Beijos

      Excluir
  6. Gosto muito dos livros do Nicholas, não tem como não gostar. Super recomendado, parabéns pelo blog, ta muito bonito

    http://tematoa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada!
      Eu amo o Nicholas, sérião. Ele é perfeito <3 (os livros pelo menos)

      Beijos!

      Excluir
  7. Foi um dos primeiros livros do Nicholas Sparks que eu li e adorei. A história toda é muito bonita.

    Gabi

    ResponderExcluir